domingo, 8 de julho de 2012

Implantes de Microchips em entrevista no CFR - Council on Foreigner Relations

Entrevistado: Ray Kurzweil, Chairman and chief executive officer, Kurzweil Technologies, Inc.; 
author, The Singularity is Near
(Novembro de 2005)

Alguns excertos da entrevista, a qual transporta-nos para um mundo já existente de controle tecnológico (a caminho do absoluto) sempre em busca da doentia perfeição sintética e artificial do ser humano:

"And the latest generation of this FDA-approved neural implant allows you to download new software to your neural implant from outside the patient.

So we have today neural implants and other devices that are placed inside the body that can download software from outside the patient. We have already robotic devices that are blood-cell sized that are at least being experimented with in animals."


"they are projecting chips by 2020 that will equal the capability of the human brain with five nanometer features — that’s the width of 25 carbon atoms."

"I just mentioned that my view of being human is we’re the species that seeks to go beyond our limitations, and he prefers to define human in terms of our limitations and that if we overcome our limitations we’ll no longer be human."

Enquanto o ser humano procurar compreender-se e evoluir de uma forma sitética artificial e materialista, jamais estará superando-se a si mesmo. A doença surge nas pessoas devido, essencialmente aos maus hábitos alimentares, formas de pensamento sentimentos, palavras e acções. Procurar a saúde e a longevidade através de vias materialistas, sem a devida evolução espiritual, é estar a entrar pela janela na casa onde não se foi convidado para entrar. As consequências serão, obviamente, desastrosas e o preço a pagar com certeza não será pequeno. É a história a repetir-se: na antiguidade civilizações inteiras e muito mais evoluidas do que nós actualmente, desapareceram por deixarem de as Leis da Natureza. A memória é curta, vivemos tempos de amnésia e de proposital esquecimento e distorção da verdadeira história da humanidade e talvez tenhamos de passar tudo de novo mais uma vez, até chegar ao momento em que a humanidade aprenderá a viver de acordo com as Forças da Natureza.

Nenhum comentário: